Guia Bixo

Capitulo III – Preparando-se para a vinda (24.04.2010)

Ola! Para o pessoal que vai para Vichy, faltam pouco mais de 2 meses para a tão esperada viagem. A essa altura do campeonato, todos os procedimentos burocraticos dos quais eu falei no capitulo 2 devem estar preparados, ou encaminhados pelo menos. Nesta parte, falo um pouco das preparações que deverão ser feitas para a vinda de vocês. Aos que não vão à Vichy, esta postagem também serve, mas a diferença é que vocês têm mais tempo para se preparar.

Vocês devem chegar aqui na ultima semana de junho, ou seja, o verão recém tera começado! Talvez tenha sido porque eu tenha vindo do Sul, mas o verão é bem forte por aqui! Em Vichy, em julho e agosto, era normal atingir 37° ou 38° pela tarde, e a diferença é que aqui o dia é muito longo no auge do verão, sendo que o Sol se põe la pelas 22:30.

Isso ja faz com que eu fale das malas, e o que trazer. Vocês têm direito à duas malas de 32 kg cada mais uma mala de mão de 10 kg para voos internacionais. Tem gente que pode achar que é pouco, mas é o suficiente. Eu vim com aproximadamente 50 kg nas três (despachei uma de 23 kg, outra de 19kg, e minha mala de mão tinha 8 kg). Sera preciso trazer roupas para todo o tipo de clima, desde calor como eu citei acima até frio de -10°C.

Eu trouxe bastante camisetas, cuecas e meias, que é o que limita a minha lavagem de roupa na Ecole. Quanto mais trazer, menos vezes precisara lavar a roupa e mais economiza dinheiro, ja que a maquina é grande pra lavar uns 12 dias de roupa por vez. Alguns casacos, blusões e calças são necessarios, embora isso pode ser comprado aqui também por bons preços. Aqui inevitavelmente vocês irão comprar um sobretudo para os dias mais frios e um casaco pesado para o pessoal que não mora em lugar frio no Brasil (eu trouxe uma boa jaqueta que eu ja usava nos dias mais frios em Porto Alegre).

Toalhas, lençois e um travesseiro são coisas interessantes para trazer, embora cobertor e edredon se compra aqui, obviamente. Tragam calçados, para esportes e dia-a-dia, para sobrar. Eh complicado comprar tênis aqui, são caros e feios na maior parte. Sera necessario aqui também um traje de gala. Eu trouxe do Brasil terno, gravatas, camisas e sapato, e ja usei umas cinco vezes. Isso pode ser comprado aqui, mas é mais recomendado ja trazer do Brasil.

Eletrônicos são recomendados de comprar aqui, são mais baratos do que no Brasil e são lançados aqui primeiro. Meu computador foi comprado aqui 30% mais barato do que ele custava no Brasil na mesma época. A quantidade de euros a trazer do Brasil depende dessas coisas que vocês vão comprar quando chegar. Eu trouxe o suficiente pra comprar o computador, poderia ter trazido mais, mas a cotação estava bem alta na época (1 € = R$ 3). Se forem trazer eletrônicos, verificar a voltagem e a frequencia, que aqui é ~230V / 50 Hz, respectivamente

Coisas pequenas mas que são uteis para trazer porque se encontra com dificuldade aqui: adaptadores de tomada (aqui não tem aquela tomada achatada que geralmente os carregadores possuem), panos de prato, leiteira (simplesmente não existe aqui), cuia/bomba/erva-mate (!!!), dicionario português/francês, uma mochila simples e boa para o dia-a-dia, chinelos, e outras coisas que eu não lembro agora, pois também esqueci de trazer na minha vinda!

Vou terminar apenas falando um pouco sobre Vichy: la, vocês ficarão em casas de familia sorteadas pelo CAVILAM. Eu dei sorte e fiquei em uma familia excelente. Levem presentes que lembrem o Brasil para a familia de vocês, mas so entreguem caso a familia mereça. Vocês pagarão algo em torno de 25€ por dia para a familia para que ela lhes dê café da manha, janta, um quarto unico, lave suas roupas, e os levem ao CAVILAM às aulas e também aos eventos (viagens, festas, etc). Eu tive a sorte de eles me emprestarem uma bicicleta, mas para as familias que moravam mais longe, elas deviam ficar a disposição para levar e trazer quando necessario (ou pagar o onibus, se for o caso). Claro que é preciso não abusar, mas não da pra esquecer também que vocês pagam a familia pra isso.

Na proxima postagem, devo falar um pouco mais dos preparativos. Até la!

Capitulo II – Apos o resultado da Eiffel (29.03.2010)

Agora que finalmente aconteceu algo novo, ou seja, saiu o resultado da Eiffel, vou começar a atualizar essa seção com mais frequência. Aos felizardos que ganharam a Eiffel, parabéns! Dentro de mais ou menos três meses, vocês deverão estar na França, indo para Vichy fazer os dois meses de curso de francês no Cavilam. Até la, com certeza vocês estarão em correria de final de semestre para fazer provas antecipadas que se acumularão certamente na ultima semana. Por isso, é bom começar a planejar logo os proximos passos.

Coisas fundamentais primeiro: o visto. Para tirar o visto, é preciso ir até um consulado da França no Brasil, que estão em São Paulo, Rio de Janeiro, Brasilia e Recife. Para poder ir no consulado realizar o processo, é preciso marcar hora por telefone antes (consulte qual consulado tu tera que ir e o telefone aqui: http://ambafrance-br.org/france_bresil/). Porém, é preciso ter o formulario Campus France completo para ir obter o visto. O Campus France requer o preenchimento online de um monte de dados e o envio por correio de copias de varios documentos. O site do Campus France tem um bom roteiro de como preencher a parte online. O confuso é a parte dos documentos: envie tudo que for pedido pelo correio. Em relação à carta da bolsa, eu enviei uma impressão da versão escaneada que eu tinha da carta, e passou. Alguns dizem que basta informar que é bolsista Eiffel que eles têm como confirmar isso, mas eu recomendo recorrer a essa hipotese caso esteja realmente perto da data de viagem.

Estamos em final de março. No meu ano, eu fui pra São Paulo encaminhar o visto dia 5 de junho. Recebi o passaporte em Porto Alegre apenas UM dia antes da viagem (24 de junho), ou seja, foi por pouco. Fui pra São Paulo so no inicio de junho pois enviei os documentos do Campus France apenas no final de maio. Interessante seria ter o Campus France validado até o inicio de maio, e ir no consulado encaminhar o visto pela metade de maio. Assim, o passaporte com o visto valido chegara com uma antecedência tranquila.

Em relação à data da viagem, a Egide deve mandar pra vocês em maio um e-mail perguntando quando vocês querem viajar:

Cependant, afin d’organiser votre venue en France, je vous invite à m’apporter par courriel les précisions suivantes :
– votre ville et votre aéroport de départ
– la ville dans laquelle vous ferez votre demande de visa
– votre date de voyage, sachant que la date de votre arrivée ne peut excéder les 5 jours qui précèdent le début de votre formation.

Provavelmente o curso em Vichy começara dia 28 de junho esse ano, então seria uma boa ir dia 25 ou 26. Porém, vocês podem ir quando quiserem a partir desta data, para se organizar melhor no Brasil. Tem gente que chega so na metade de julho. Porém, recomendo chegar em Vichy bem cedo, vale a pena e vocês irão receber da Egide um valor proporcional ao tempo que vocês estão na França (quem chega antes ganha alguns dias a mais de bolsa).

Outras coisas importantes para providenciar: tradução juramentada da certidão de nascimento, pode ser obtida normalmente na Aliança Francesa por algo em torno de R$ 60. Providenciar obviamente o passaporte, caso alguém ainda não tenha. Importante olhar com uma certa antecedência também o pedido de afastamento da universidade do Brasil. Para o pessoal da UFRGS: o DECORDI demora mais ou menos um mês para concluir esse processo. Se der algum problema no processo, teoricamente não impede a viagem, porém na pratica, vocês serão alunos da UFRGS e ela ira esperar a matricula de vocês para 2010/2. Ou seja, é bom fazer o Plano de Estudos para os proximos dias ja, e encaminhar para aprovação da COMGRAD visando ter o plano aceito para o final de abril, no maximo. O João Manoel e a Zelândia podem ajudar com modelos deste plano. Algumas COMGRADs podem complicar para aprovar os planos de vocês, então é bom se apressar. Se vocês conseguirem entrar com o processo de afastamento para duplo diploma no DECORDI no inicio de maio, provavelmente nada de errado acontecera.

No proximo capitulo, falo um pouco de Vichy e das preparações não-burocraticas para a vinda. Boa sorte e bom final de semestre a todos por ai!

Capitulo I – Introduçao (23.11.2009)

Ola a todos! Na falta de assunto atualmente no blog, vou começar a fazer postagens esporádicas para o pessoal que deve chegar em Lille no ano que vem. Esta semana, saiu o resultado dos novos aprovados para o convênio com as Ecoles Centrales. Fiquei sabendo que o blog tem sido de alguma valia para este pessoal, então essas postagens serão dedicadas a eles.

No momento, acredito que a maioria deles esta mais preocupada em terminar bem o quarto semestre. Entao eu digo: terminem com calma seus quartos semestres, sem muito stress: suas notas não a partir de agora no Brasil não contam mais, nem para a bolsa da Eiffel (mas talvez conte para outras bolsas caso vocês não a consigam). Vocês têm um verão inteiro para aproveitar pra descanso no Brasil. Façam bom uso dele! Aqui em Lille longos meses de chuva e frio os esperam, então aproveitem bem os dias de sol por ai.

Talvez eu deva falar um pouco sobre a cidade que os acolhera. Lille se localiza no Norte da França, numa excelente posição geográfica para viagens. Fica do lado da Bélgica, a um passo da Holanda e da Inglaterra e a 1 hora de Paris por trem. Alem disso, atravessando a Bélgica já tem a Alemanha e atravessando a Holanda encontra-se a Dinamarca e os países nórdicos! Enfim, a não ser que seu destino de viagem preferido seja o Kosovo ou a Ucrânia, tu estarás bem posicionado geograficamente para explorar a Europa.

Agora, sobre Lille em si… Em primeiro lugar, tu não iras morar em Lille, e sim em Villeneuve d’Ascq, que fica à cotê de Lille. Raramente se vai até Lille, pois Villeneuve d’Ascq tem tudo em seu centro comercial V2, que fica a duas estações de metrô de onde estou digitando agora. Claro que se tu procuras um selo do governo para a carte de séjour tu terás que ir à Lille, ou seja, a maioria das burocracias se resolve la. Lille também tem um shopping bem grande, o Euralille, um pouco maior que o V2, e também tem as gares Lille Europe e Lille Flandres de onde saem os trens para o resto da França e para outros países.

Acho que já destaquei o que é importante no momento. Nos próximos dias, a querida secretaria do M. Lahfaj – que é o diretor de Rel. Internacionais da EC Lille -, Mme. Bukowski, deve enviar um email a todos pedindo algumas alterações nos seus currículos e/ou cartas de motivação para montar o dossiê da Egide. Façam corretamente isso, quanto melhor ficar a carta de vocês e o currículo mais chances de ganhar a Eiffel (embora notas seja o critério mais importante). Importante também é praticar o francês: eu recomendaria fazer o maximo possível no Brasil, para adquirir uma boa base em vocabulário e gramática. Conversaçao mesmo será bem desenvolvida apenas aqui, mas chegando com uma base forte nos dois pontos que eu falei facilita muito as coisas durante os três primeiros meses aqui.

Anúncios

4 responses

23 11 2009
dartagna

Fala colorado! Que palavras bonitas, mas pena que na tua época não tenham te dado essas barbadas que estás dando? Mas vê se não te empolga demais que falta muito pra te vermos de novo? Abraço de um gremistão realista e beijos da tua familia que te AMA MUITO!

23 11 2009
Mãe diz:

Filho,adorei essa tua iniciativa de postar para o pessoal que irá no próximo ano estudar ai no velho mundo.Com certeza as tuas informações ajudarão e muito esses colegas.

11 03 2010
Bruna Arruda

Oi, eu sou Bruna , serei sua bixete este ano, muito obrigada pelas dicas =)

29 03 2010
Cristina Simm

Bem, essa história de ir na metade de maio para que o passaporte chegue antes não é bem verdade. Eu fui na metade de maio e o meu passaporte chegou junto com o de vocês… Mas foi culpa do consulado em Porto Alegre, onde a secretária recebeu um pacote pelo correio e não abriu…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: