Tratamento VIP na França e no Brasil

26 07 2010

Ja estou digitando do Brasil, enquanto minha mãe cozinha um delicioso feijão para o almoço. Ja estou em terras gauchas ha 10 dias, e so agora venho atualizar este humilde blog. Os ultimos dias na França antes do retorno ao Brasil foram muito sagazes! A começar pela estadia em Vichy : fiquei três dias com a mesma familia que me acolheu ano passado, de graça ! A familia e a casa continuam as mesmas. Cheguei em Vichy no dia 10 e meus “pais franceses” estavam me esperando na estação, para que fossemos até em casa, onde colocamos as conversas em dia. No dia seguinte, almoço de familia com os pais da minha mère, com direito a jogo de pôquer vencido por mim!

Para não perder o costume, fomos ao bar apostar na corrida de cavalos da tarde… perdemos os três, eu, o père e seu sogro… No domingo ainda, encontrei o pessoal brasileiro de Vichy num bar perto da gare, onde assistimos à final da Copa do Mundo, entre Espanha e Holanda. Jogo violento e meio sem graça, mas que acabou com vitoria merecida da Espanha. Pelo menos o pessoal pareceu ser bacana, estão se adaptando bem com Vichy e com a França em geral.

Na segunda, fomos eu e mais cinco brasileiros almoçar na Cafeteria de Paris, um restaurante em Vichy que iamos com frequência quando o almoço no CAVILAM não estava la essas coisas. Voltei para casa apos o almoço (e a chuvarada, que começou a me perseguir aqui), onde descansei à tarde e reencontrei a familia de noite, para uma janta sagaz e um jogo de Uno desta vez, vencido por mim de novo!

Terça foi o dia de se despedir de Vichy. Fui para Paris, passando na Ecole Centrale para trocar a mala. As 18h, tinhamos o jantar com a professora Catsiapis. Fomos eu, o Jéferson, e dois chineses que se anexaram de ultima hora. O jantar foi na Closerie de Lilas, um restaurante no 6eme arrondisement que ja foi visitado por Ronaldo, Joseph Blatter, principes e princesas de Luxemburgo, Bélgica, etc., Roger Waters, entre outras figuras que eu não conheço. A bagatela de aproximadamente 60€ por pessoa foi paga por nossa simpatica professora, que nos convidou… os pratos do restaurante eram muito bons, claro : uma entrada de melões com um tipo de presunto bem bom, seguido de um prato de batatas no forno com rumsteak, e como sobremesa, um profiterole magnifico.

Depois da janta, fui para o apartamento dos veteranos que estão estagiando em Paris. Na manhã seguinte, eu e o Christian fomos para os Champs-Elysées atrasados, para assistir o desfile militar do 14 de julho. Por chegar atrasado entende-se poder ver apenas os capacetes das pessoas que desfilam. Para completar, uma chuva assolou o desfile logo apos o seu inicio, e as pessoas trancadas na estação de metrô ficando sem saida para escapar do temporal. Quando eu e o Christian conseguimos entrar no metrô, ficamos dando voltas até a chuva parar…

No final da tarde, eu, Jéferson, Liba e Steil começamos a planejar o roteiro para os fogos de artificio na Torre Eiffel, que ocorriam às 23h. Apos passar no Starbucks e no McDonalds, caminhamos da Praça da Concorde até a casa da Julia e do Biller, perto da torre, onde encontramos ainda o Macho e sua namorada para assistirmos aos fogos mais tarde. Conseguimos um bom lugar no Champ de Mars para o espetaculo, acompanhados do pessoal da Centrale Marseille. Os fogos foram bem interessantes, mas no total foram apenas 30 minutos de show. Para voltar pra casa, um metrô entupido de gente, e a chuva voltou para atormentar e nos atrapalhar enquanto tentavamos retornar…

Meu ultimo dia de França começou com uma caminhada de Notre-Dame até os Champs-Elysées, onde fui comprando lembranças pro pessoal do Brasil. Pela tarde, fui para a Centrale Paris buscar minhas ultimas coisas com o Cassio e o Luciano, e também para aproveitar e jogar umas partidinhas de tênis. No aeroporto, nenhum problema durante o retorno… voo de Paris até o Rio com duração de 11 horas, depois uma espera de 5 horas no Rio para as ultimas duas horas até Porto Alegre.

Em Porto Alegre, ja fui esperado pela minha familia com um churrasco! Na sexta-feira, revi além dos meus pais e do meu irmão, meus avos, minha dinda e minhas primas… no sabado, festa surpresa na casa da dinda, cheia de doces e salgados que são dificeis de encontrar na França. No domingo, fiquei em casa, sendo visitado pelo tio Joaquim e pela tia Madalena…

Segunda-feira, segundo churrasco, pelos colegas da UFRGS, na casa do Japa. Churrasco que foi até as 5 da manha! Na quinta eu retornei ao futebol, apos mais de um ano sem jogar de goleiro no futebol de salão. Algumas cãibras e frangos, mas que foram reparados no sabado, apos vitoria massacrante de 11 a 4 com 100% de aproveitamento nas saidas de bola.

Na sexta fomos ainda festejar o aniversario do Tyron na sua casa, que contou com otimas lasanhas preparadas pelos anfitriões. Sabado eu almocei em um restaurante que servia churrasco no buffet (terceiro) e no domingo churrascaria para o aniversario do Vinicius (quarto churrasco). A meta são dez churrascos, logo, tenho duas semanas para mais seis assados (acho que sera dificil, mas quem sabe?)

Anúncios

Ações

Information

3 responses

31 07 2010
joaquim

olha,aqui seu malandro,não vai se acostumando com as mordomias,porque num tempo não muito distante o mercado de trabalho internacional te espera.kkkkkkkkkkkkkkkkkkk
velho tio joaca

6 08 2010
Arthur Soares

Sempre bom ler teu blog… abraço ;)

18 10 2010
Ricardo

Li com atraso de alguns meses, hehe, mas bom saber que tu esteve aqui.

Abração!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: